Como requerer o certificado do Encceja?

O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) é uma prova promovida pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) todos os anos. Mas, como requerer o certificado do Encceja?

Afinal, o objetivo é oportunizar que jovens e adultos que não finalizaram o ensino fundamental ou ensino médio na faixa etária habitual possam ter acesso ao certificado dessas fases de ensino de maneira gratuita.

Qualquer pessoa pode participar do Encceja, desde que tenha a idade apropriada para cada fase. Por isso, é essencial ter 15 anos completos no dia da prova para fazer a avaliação voltada ao ensino fundamental. Enquanto o candidato do ensino médio deve ter 18 anos completos.

O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) é uma prova promovida pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) todos os anos. Mas, como requerer o certificado do Encceja? Já que o objetivo é oportunizar que jovens e adultos que não finalizaram o ensino fundamental ou ensino médio na faixa etária habitual possam ter acesso ao certificado dessas fases de ensino de maneira gratuita. Qualquer pessoa pode participar do Encceja, desde que tenha a idade apropriada para cada fase. Por isso, é essencial ter 15 anos completos no dia da prova para fazer a avaliação voltada ao ensino fundamental, enquanto o candidato do ensino médio deve ter 18 anos completos. Além disso, brasileiros com 18 anos até podem fazer a inscrição para as provas do ensino médio e requerer o certificado do Encceja nessa fase de ensino mesmo que não tenham alcançado o diploma do fundamental. Aprovação no Encceja Tanto no ensino fundamental quanto no ensino médio, o Encceja conta com quatro provas objetivas, cada uma com 30 exercícios com múltipla escolha e a elaboração de uma redação. Afinal, as provas do Encceja seguem os quesitos básicos determinados pela legislação vigente no território nacional. As provas são realizadas na mesma data no período matutino e vespertino. A nota é formulada com base na Teoria de Resposta ao Item (TRI). Todavia, a média não é correspondente ao número de acertos porque os questionamentos contam com níveis distintos de dificuldade. Para que o candidato possa requerer o certificado do Encceja, o participante será classificado como habilitado se alcançar a pontuação de 100 em cada uma das áreas de conhecimento da prova e ter nota igual ou acima de 5 pontos no texto. Lembrando que o texto varia de zero a dez. Mas, vale salientar que o processo de certificação demanda nota mínima em todas as avaliações. Todavia, dá para conseguir a certificação parcial de proficiência nas provas em que atingir nota suficiente. Como requerer o certificado do Encceja? O Encceja é feito pelo Inep em conjunto com as secretarias estaduais e municipais de educação espalhadas pelo território nacional. O INEP realiza a prova, só que é a emissão do diploma e da declaração fica a cargo das secretarias estaduais e municipais de educação Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, que firmam Termo de Adesão. De acordo com o INEP, 383 instituições certificadoras se cadastraram na edição desse ano. Para requerer o certificado do Encceja, o candidato deve se atentar ainda no momento da inscrição. Isso porque ele vai definir a instituição que vai emitir o seu diploma a partir de uma lista apresentada pelo INEP. Neste processo para requerer o certificado do Encceja, é relevante que o estudante opte por uma unidade certificadora que seja de fácil acesso a fim de conseguir atendimento presencial quando for preciso. Sendo assim, o INEP repassa os boletins individuais dos participantes às instituições certificadoras para oportunizar a certificação. Caso você tenha alguma dúvida sobre o exame, o ideal é acessar o site oficial da prova clicando aqui.

Além disso, brasileiros com 18 anos até podem fazer a inscrição para as provas do ensino médio e requerer o certificado do Encceja nessa fase de ensino mesmo que não tenham alcançado o diploma do fundamental.

Aprovação no Encceja

Tanto no ensino fundamental quanto no ensino médio, o Encceja conta com quatro provas objetivas, cada uma com 30 exercícios com múltipla escolha e a elaboração de uma redação. Afinal, as provas do Encceja seguem os quesitos básicos determinados pela legislação vigente no território nacional.

As provas são realizadas na mesma data no período matutino e vespertino. A nota é formulada com base na Teoria de Resposta ao Item (TRI). Todavia, a média não é correspondente ao número de acertos porque os questionamentos contam com níveis distintos de dificuldade.

Para que o candidato possa requerer o certificado do Encceja,ele terá de ser classificado como habilitado ao alcançar a pontuação de 100 em cada uma das áreas de conhecimento da prova e ter nota igual ou acima de 5 pontos no texto. Lembrando que o texto varia de zero a dez.

Mas, vale salientar que o processo de certificação demanda nota mínima em todas as avaliações. Todavia, dá para conseguir a certificação parcial de proficiência nas provas em que atingir nota suficiente.

Como requerer o certificado do Encceja?

O Encceja é feito pelo Inep em conjunto com as secretarias estaduais e municipais de educação espalhadas pelo território nacional. O INEP realiza a prova, só que é a emissão do diploma e da declaração fica a cargo das secretarias estaduais e municipais de educação Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, que firmam Termo de Adesão.

De acordo com o INEP, 383 instituições certificadoras se cadastraram na edição desse ano. Para requerer o certificado do Encceja, o candidato deve se atentar ainda no momento da inscrição. Isso porque ele vai definir a instituição que vai emitir o seu diploma a partir de uma lista apresentada pelo INEP.

O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) é uma prova promovida pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) todos os anos. Mas, como requerer o certificado do Encceja? Já que o objetivo é oportunizar que jovens e adultos que não finalizaram o ensino fundamental ou ensino médio na faixa etária habitual possam ter acesso ao certificado dessas fases de ensino de maneira gratuita. Qualquer pessoa pode participar do Encceja, desde que tenha a idade apropriada para cada fase. Por isso, é essencial ter 15 anos completos no dia da prova para fazer a avaliação voltada ao ensino fundamental, enquanto o candidato do ensino médio deve ter 18 anos completos. Além disso, brasileiros com 18 anos até podem fazer a inscrição para as provas do ensino médio e requerer o certificado do Encceja nessa fase de ensino mesmo que não tenham alcançado o diploma do fundamental. Aprovação no Encceja Tanto no ensino fundamental quanto no ensino médio, o Encceja conta com quatro provas objetivas, cada uma com 30 exercícios com múltipla escolha e a elaboração de uma redação. Afinal, as provas do Encceja seguem os quesitos básicos determinados pela legislação vigente no território nacional. As provas são realizadas na mesma data no período matutino e vespertino. A nota é formulada com base na Teoria de Resposta ao Item (TRI). Todavia, a média não é correspondente ao número de acertos porque os questionamentos contam com níveis distintos de dificuldade. Para que o candidato possa requerer o certificado do Encceja, o participante será classificado como habilitado se alcançar a pontuação de 100 em cada uma das áreas de conhecimento da prova e ter nota igual ou acima de 5 pontos no texto. Lembrando que o texto varia de zero a dez. Mas, vale salientar que o processo de certificação demanda nota mínima em todas as avaliações. Todavia, dá para conseguir a certificação parcial de proficiência nas provas em que atingir nota suficiente. Como requerer o certificado do Encceja? O Encceja é feito pelo Inep em conjunto com as secretarias estaduais e municipais de educação espalhadas pelo território nacional. O INEP realiza a prova, só que é a emissão do diploma e da declaração fica a cargo das secretarias estaduais e municipais de educação Institutos Federais de Educação, Ciência e Tecnologia, que firmam Termo de Adesão. De acordo com o INEP, 383 instituições certificadoras se cadastraram na edição desse ano. Para requerer o certificado do Encceja, o candidato deve se atentar ainda no momento da inscrição. Isso porque ele vai definir a instituição que vai emitir o seu diploma a partir de uma lista apresentada pelo INEP. Neste processo para requerer o certificado do Encceja, é relevante que o estudante opte por uma unidade certificadora que seja de fácil acesso a fim de conseguir atendimento presencial quando for preciso. Sendo assim, o INEP repassa os boletins individuais dos participantes às instituições certificadoras para oportunizar a certificação. Caso você tenha alguma dúvida sobre o exame, o ideal é acessar o site oficial da prova clicando aqui.

Passo a passo

Passo 1

Escolha a instituição certificadora mais próxima de sua residência na hora da inscrição;

Passo 2

Reúna a documentação necessária (documento original de identificação com foto e uma cópia) e o boletim do participante na Página do Participante;

Passo 3

Se encaminhe até a unidade certificadora escolhida na hora da inscrição para requerer o certificado do Encceja. Você receberá um protocolo do pedido, que prova que deu entrada no seu certificado, e uma data para voltar e pegar seu diploma.

Passo 4

Quando chegar a data correta, você deve voltar a instituição certificadora com o protocolo do pedido de certificado em mãos para pegar o seu diploma. Geralmente, esse prazo pode variar de um até dois meses.

Quem não obteve nota mínima em alguma das disciplinas pode se encaminhar para a instituição certificadora. Neste caso, é possível requerer a declaração parcial de proficiência e se focar apenas nas matérias que faltam na próxima prova. Em caso de dúvida, acesse o site oficial aqui.

Add Comment